10 Dicas de SEO para o Google achar o seu site

Uma das formas mais eficazes para seu cliente em potencial encontrar seu negócio é através de uma busca na internet. Quanto mais vezes o seu site for rastreado, mais cedo o seu novo conteúdo pode começar a aparecer nos resultados da pesquisa, podendo trazer mais tráfego e vendas. Por isso, é essencial entender os fatores podem fazer o Google encontrar o seu site mais vezes e de forma mais rápida, utilizando técnicas de SEO.

Há algumas técnicas de SEO importantes para um bom site. Aqui vamos destacar três:

1. Ter o seu site rastreado pelos “robôs do Google” (bots);
2. Ter o seu site indexado;
3. Ter posições altas na busca do Google;

Neste artigo, falaremos sobre os dois primeiros passos: rastreamento e indexação de páginas da web que levam os sites a serem mostrados nos resultados de pesquisa. Ser visto pelo Google é importante, pois até agora nenhum outro mecanismo de busca ultrapassou a alta popularidade e preferência do mesmo.

O que é o rastreamento (crawling)?

O “crawling” de mecanismos de busca se refere a robôs que percorrem determinadas páginas na web. Se você tem um site recém lançado, os bots do Google precisam encontrar o seu domínio e percorrê-lo para saber da sua existência na internet. Porém, o trabalho desses robôs não termina aí. Eles devem indexar as páginas também.

O que é a indexação?

Uma vez que um bot encontrou uma página com o crawling, ele irá adicioná-la a uma lista de outras páginas rastreadas pertencentes à mesma categoria. Este processo é conhecido como indexação. Em um livro, por exemplo, é normal encontrar o conteúdo sistematicamente organizado por categoria, palavra, referência, etc. no índice. Isso torna mais fácil para o leitor a localização do conteúdo que está procurando. Do mesmo modo, os mecanismos de busca tem um índice de páginas classificado de várias formas. Estas páginas não são exatamente as páginas de seu site, mas uma imagem das páginas armazenada da forma que elas foram rastreadas pela última vez. Estas imagens são as versões em cache das páginas.

Quando um usuário faz alguma busca no Google, o mesmo rapidamente passa por esses índices para avaliar quais páginas são apropriadas para retornar como resultado para o usuário. Com a ajuda de complexos algoritmos matemáticos, os motores de busca são capazes de decidir a posição que cada página deve estar nos resultados da pesquisa. A precisão do Google em apresentar páginas apropriadas para as consultas dos usuários é o que dá toda a importância e popularidade ao mecanismo.

Agora você pode se perguntar: como ter meu site indexado pelo Google?

Há muitas maneiras de conseguir esse feito. Confira 10 dicas de SEO abaixo:

1. Criar uma conta no Google Search Console

Crie uma conta no Google Search Console e no Google Analytics (onde será possível acompanhar o comportamento dos visitantes do site). A conta do Google Search Console vai ser muito importante nesse processo de indexação! Essa ferramenta mostra como o Google vê o seu site, tendo como funcionalidades:

  • Search Appearance (aparência de pesquisa): a forma como o Google está lendo cada parte das páginas do seu site (títulos, imagens e descrições, por exemplo);
  • Search Traffic (tráfego de pesquisa): o que o usuário busca no Google que o leva a clicar, ou deixar de clicar, no seu site;
  • Google Index (índice do Google): como o Google está se saindo ao indexar suas páginas e identificar as palavras-chave mais frequentes;
  • Crawl (rastreamento): quais problemas os bots do Google estão tendo ao analisar seu site em busca de conteúdo relevante, entre outros.

2. Buscar como Google

No Google Search Console você tem a opção de pedir ao Google para rastrear novas páginas com conteúdo atualizado. Essa opção está dentro da seção “Rastreamento” no painel da ferramenta.

buscar_como_google

3. XML Sitemap

Sitemaps atuam como mapas para os robôs de busca, orientando-os para as páginas internas do seu site. Você não pode se dar ao luxo de negligenciar este passo significativo para a obtenção da indexação do seu site. Crie um sitemap XML e adicione-o em sua conta do Google Search Console da seguinte maneira:

  • Com o domínio do site já verificado, clique em “adicionar uma propriedade”
  • Inserir a URL do seu site (por exemplo https://360dbi.com/). Clique em “adicionar”
  • Nas opções da lateral esquerda, clicar em “rastreamento”. Dentro desta opção, clicar em “sitemaps”
  • Clique em “adicionar/testar sitemap”
  • Insira sitemap.xml depois do seu domínio
  • Clique em enviar e pronto!

4. Consiga Inbound Links

Os bots dos motores de busca tem mais probabilidade de encontrar e indexar suas páginas quando sites de terceiros com um bom tráfego e posição nas buscas “linkam” para o seu site. Para que isso funcione, você precisa construir links de qualidade para seu site a partir de outros sites populares. Para saber mais sobre como obter links de qualidade a partir de outros sites, baixe o nosso eBook.

5. Crie um perfil no Google+

Crie um perfil do Google+ e adicione um link para seu site na seção Sobre. Publique mensagens na sua conta contendo links para o seu site. Como a rede social é um produto Google, o bot vai prestar atenção nesses links. Você também vai se beneficiar com a criação de outros perfis de mídias sociais populares para o seu website, como Facebook, Instagram e LinkedIn. Qual delas escolher depende da área de atuação da sua empresa!

6. Um código limpo

Deixe o trabalho de rastreamento e indexação de seu site mais fácil ao limpar o backend do seu site e garantir que você tenha o código W3C compatível. Além disso, nunca inche o seu código. Certifique-se de que o conteúdo do seu site está dentro de uma boa estrutura HTML.

7. Sites mais rápidos são indexados mais rápido

Sites construídos para serem carregados rápido também são mais facilmente encontrados nas buscas. Então atente-se em manter seu site leve! Você verá a diferença também nas suas taxas de conversão, que caem a cada segundo de atraso no carregamento de páginas.

8. Boa estrutura interna de links

Garanta que todas as páginas do seu site estão interligadas umas às outras. Se a página inicial do seu site for indexada, garanta que todas as outras páginas estão conectadas com ela, desta forma elas serão indexadas também.

9. Boa navegação

Uma boa navegação irá contribuir para a boa estrutura de links discutida acima. A navegação é tão importante para a velocidade de indexação do seu site quanto é para a experiência do seu usuário.

10. Mantenha o seu conteúdo atualizado

Adicione conteúdo de qualidade em seu site com freqüência. Conteúdo de valor atrai os robôs de crawling. Mesmo que o seu site só tenha sido indexado uma vez, com a adição de mais conteúdo qualificado, você atrai o Google para rastrear o seu site diversas vezes. Este conteúdo valioso não é limitado ao conteúdo que é visível na página, mas também se refere aos dados Meta (meta data) e outros componentes importantes de SEO no website.

Gostou das nossas dicas? Continue acompanhando nosso blog e melhore sua performance digital 🙂

Guia completo do Inbound Marketing

 

Tagged under:

Deixar uma resposta

Seu email não será publicado.